sábado, 15 de janeiro de 2011

Submarino.com.br
 
.
Submarino.com.br


A manhã é um convite diário para vencermos o desafio de construir um mundo melhor ao correr do dia.

Podemos comparar nossa vida a uma caminhada por longo vale.

Dias de sol, o céu em azul celeste, a brisa nos acariciando a face, o canto mavioso dos pássaros nos tocando o coração, mas também a chuva nos visitando, o frio em certas épocas açoitando-nos a pele, a tempestade nos assustando...

Também observamos perigos e belezas pelos lugares por onde passamos. As lembranças e provisões que amealhamos nos momentos agradáveis nos sustentam e animam nas horas dos embates.

Por isso o desânimo é sentimento não apenas negativo, mas sobretudo desnecessário.

Desanimar-nos é como sentar-se à beira do caminho sofrendo sede quando o regato está logo após a próxima curva...

É preciso prosseguir na marcha mesmo quando há dificuldade em enxergar a trilha. Caminhando devagar, mas sempre seguindo... E nos dias de sol, que são mais abundantes (não esqueçamos disto), vençamos quilômetros, com alegria e esperança. Jamais desanimemos! Ânimo! Nossa jornada é nossa obra pessoal... 

Do livro Reflexões para a paz, de Joamar Zanolini Nazareth

Nenhum comentário:

Postar um comentário