domingo, 21 de outubro de 2012


Aprendamos servindo



Onde estiveres, faze claridade em ti mesmo,
para que a treva desça de nível.
Só a luz desintegrará na Terra as cristalizações da sombra, em que a ignorância e a penúria tecem ninho à inquietação e ao sofrimento.
Não te encarceres, porém, na feição
unilateral do grande problema.
Educação, em boa síntese, é luz que circula
vitoriosa do sentimento ao raciocínio, sustentando o equilíbrio
entre o cérebro e o coração.
A ciência constrói a medicina.
A compreensão humana faz o médico.
As letras erguem o magistério.
A consagração ao ensino gera o professor.
A técnica estende os patrimônios da indústria.
O devotamento ao trabalho levanta os missionários do progresso.
A teologia plasma a religião.
As virtudes da fé realmente
vividas erigem o pastor.
A universidade lavra diplomas.
A escola do exemplo, nos testemunhos de elevação dentro da luta cotidiana, forma
os verdadeiros servidores do mundo.
Não prescindimos da instrução.
Mas não honraremos o pensamento claro
e nobre sem o acrisolamento espiritual.
A idéia esclarece.
O sentimento cria.
A palavra edifica.
O exemplo arrasta.
É por isso que Jesus, exalçando a sabedoria,
não olvidou a prática do amor.
Aprendamos servindo.
Essa é a única fórmula capaz de reunir-nos
ao Mestre que procuramos.
Muitos possuem ouro e prata...
Muitos detêm a cultura...
Muitos guardam a bondade...
Muitos dispõem do poder...
Mas se não sabem acender a luz em si próprios,
riqueza e inteligência, afetividade e dominação, não lhes servem, por vezes, senão por vasto pedregulho no campo da experiência.
Entesoura no cérebro a ciência que te ilumine, mas inflama de amor o coração que te pulsa
no peito, porque somente assim farás
da própria vida a estrela de serviço e de fé, guiando-te a alma em triunfo
para além das sombras que enxameiam
nos vales da provação e da morte.
**Emmanuel**

Formas de Ver



Cada qual enxerga uma paisagem conforme os seus recursos
ópticos.
O daltônico vê as cores dentro de um prisma especial.
O míope tem a visão deformada em torno da realidade.
O presbitismo produz uma observação incorreta.
Qualquer deficiência ou anomalia na aparelhagem ocular responde
pela dificuldade visual.
Não obstante, se o homem desconhece as formas, e desde o início
adquiriu a capacidade de observar dentro das deficiências, não logra
imaginar a riqueza de detalhes, os contornos, a abundância das cores que
maravilham a vida.
Uma partícula de dejeto sob a lente de um microscópio, faculta
descobrir-se uma paisagem estelar.
*
Uma gota de orvalho na corola de uma flor, faz-se delicado
diamante sem engaste, a tremeluzir.
*
Na área das observações morais, cada criatura tem a dimensão do
fato de acordo com a óptica emocional e mental de que se utiliza.
Não é estranhável, portanto, que se defrontem pessoas que
somente enxergam imperfeições, erros e mazelas...
Outras há que se capacitam a descobrir em qualquer fato, apenas
o seu ponto negativo e infeliz...
Algumas se caracterizam pela dúvida sistemática a respeito do
caráter do próximo...
São inúmeras as conotações feitas em torno das criaturas, como
decorrência da projeção pessoal, emersão do eu interior que se torna a lente
pela qual se fitam todos os acontecimentos.
*
Consulta a consciência em todas as circunstâncias da tua vida.
Não ajas sob os impactos da emoção, confundindo capricho com
raciocínio correto.
*
Passa os teus planos e projetos pelo crivo da autocrítica e
informa-te de como gostarias que o outro agisse em relação a ti, caso fosses
o agressor, o infeliz perturbador...
Do mesmo modo, atua de consciência reta; no entanto, não te
conturbes sob pontos de vista doentios, arrogantes, que te trarão dramas
íntimos, agora ou mais tarde.
*
Sejam os teus atos um reflexo da tua paz, que deves cultivar com
os esforços de todo dia e os investimentos de toda hora.
*
À frente de qualquer realização, conquista os que te buscam,
pela bondade para com eles.
*
Não deixes marcas negativas nos caminhos transitados ou nas
pessoas que encontres, porquanto voltarás a defrontá-los.
*
Luta contra as tuas más inclinações, para o teu próprio bem.
*
Cada dia é um investimento novo da vida, de que terás que dar
contas.
*
Quem empreende uma tarefa deve escolher a meta e avançar por
conquistá-la.
Não pára, não recua, não maldiz, não queixa.
Consciente do que deve e se propõe fazer, sem tergiversações
prossegue.
*
Coloca as lentes do amor sobre as tuas deficiências e observarás
a vida, as pessoas e as coisas sob angulação feliz, num prisma rico de
belezas, que te ensejará mais produzir, quanto mais te devotares ao
compromisso.

Joanna de Ângelis


sábado, 20 de outubro de 2012


 Guerreiro da Luz





 
"Passando e ultrapassando:
um guerreiro da luz nota que certos momentos se repetem.
Com freqüência se vê diante dos mesmos problemas e situações
que já  havia enfrentado.

Então fica deprimido. Começa a pensar que é incapaz de progredir
na vida,  já que os momentos difíceis estão de volta.
"Já passei por isso", ele reclama com seu coração.
"Realmente, você já passou", responde o coração.
"Mas nunca ultrapassou."

O guerreiro então compreende que as experiências repetidas tem uma única finalidade: ensinar-lhe o que ainda não aprendeu.
Ele passa a procurar uma solução diferente para cada luta repetida
até que encontra a maneira de vencê-la.

Algo fora do comum:
Um guerreiro da luz sempre faz algo fora do comum.
Pode dançar na rua enquanto caminha para o trabalho.
Ou olhar nos olhos de um desconhecido e  falar de amor a primeira vista.
Um guerreiro de vez em quando expõe uma idéia que pode parecer ridícula, mas na qual acredita.

Os guerreiros da luz se permitem tais dias. Ele não tem medo de
chorar mágoas antigas, ou alegrar-se com novas descobertas.
Quando sente que chegou a hora, larga tudo e parte para sua  aventura tão sonhada.Quando entende que está no seu limite de sua  resistência, sai do combate, sem culpar-se por ter feito uma ou duas loucuras inesperadas. Um guerreiro não passa seus dias tentando representar o papel que os outros escolheram para ele.

As pequenas coisas:
O guerreiro da luz presta atenção nas pequenas coisas, porque elas podem atrapalhar muito. Um espinho, por menor que seja, faz o viajante interromper seu passo. Uma pequena e invisível célula pode destruir um organismo sadio. A lembrança de um instante de medo no passado,
muitas vezes faz a covardia voltar a cada  nova manhã.

Uma fração de segundo abre a guarda para o golpe fatal do  inimigo.
O guerreiro está atento as pequenas coisas:

As vezes é duro consigo  mesmo, mas prefere agir desta maneira.
"O diabo mora nos detalhes", diz um velho provérbio da Tradição.

Aprenda a ser mais duro consigo...encha o peito, respire fundo
e diga pra você...nós vamos vencer mais essa... 

Acredite mais em você!

sábado, 29 de setembro de 2012


ღღღPasseio ao redor do jardimღღღ



Caminhar é um ótimo exercício para o físico e para o espírito. Este foi um passeio que jamais esquecerei.

Há uma colina muito arborizada próximo à minha casa. Sempre que quero me lembrar de como sou abençoado, eu vou por esta colina.

No alto, há uma linda velha casa de pedra que eu admiro desde que mudei para cá há mais de 10 anos. Eu converso com o velho casal que sempre está trabalhando em seu terreno toda vez que eu passo. Devem trabalhar muito no jardim porque seu lar é uma bela paisagem. Entre as flores abundantes e as matas posso ver estátuas gregas e banheiras para os pássaros.

Mas no ano passado eu notei uma mudança.

O mato cresceu além do normal e as flores não estavam tão bem cuidadas.

- Como estão vocês, meus amigos? Perguntei quando passava em frente à sua varanda.
- Estamos tão bem quanto se pode esperar, senhor. Respondeu o cavalheiro.

Eles estavam sentados na varanda. Ele usava uma quente jaqueta de lã, aberta na frente revelando um colete azul de malha. Apesar do fato de nunca saírem, ele usava uma gravata, como sempre.

Ela estava sentada em uma cadeira de balanço, embrulhada da cabeça aos pés num cobertor. Por baixo, dava para perceber, ela usava uma pesada calça de lã. Em contraste eu usava uma camiseta e bermuda. Naquela idade, qualquer brisa mais fria requer uma roupa mais quente.
- Vocês estão prontos para o inverno? Perguntei.
- Com o passar dos anos, nós aprendemos a antecipar os frios dias de inverno. Nossa lareira e nossa varanda são um bom refúgio. E é um ótimo lugar para uma xícara de chá e um bom livro. Você está escrevendo aquele livro ainda? Ele perguntou.
- Não, já foi publicado, mas em breve escreverei histórias ouvidas ao longo do caminho. Prometo trazer um para você. Eu disse.
- Espero estarmos aqui para le-lo. Ele disse.
- Estão pensando em se mudar? Perguntei.
- Não meu amigo. Como esta estação em que estamos agora, nós estamos no outono de nossas vidas. Nosso tempo junto agora é medido em estações. Rezo para que possamos sobreviver ao inverno. Ele disse.

Então, virando-se para sua esposa, ele disse,
- Meu amor não está muito bem. Meu coração dói por ela. Eu não estou certo de que vamos... Começou a chorar.

Eu, nervosamente, esfreguei os pés na calçada, sem saber o que dizer.

- Eu sempre gostei da aparência de nosso terreno durante o outono. Acho que devo ser grato por Deus nos permitir, pelo menos mais uma vez, ter esta vista espetacular. Mas enquanto as folhas caem, eu vejo minha esposa começar a murchar.

- Não sei se já lhes falei isto. Mas o trabalho de vocês, este presente de vocês que traz vida ao mundo na forma de flores e árvores, levantou meu ânimo muitas vezes. Por anos passei por aqui e sempre parei o tempo suficiente para renovar minhas forças. Deve lhes dar grande satisfação ver o fruto de seu trabalho. Eu disse.
- Sim, com certeza. Exceto durante este último ano. Pudemos fazer pouco por causa da saúde deficiente de minha esposa. Eu sempre soube que seria capaz de reconhecer quando nosso tempo junto estivesse terminando. Ele disse.

Então, saindo cuidadosamente da varanda, ele apontou o caminho pelo jardim que começava ao lado e envolvia a casa inteira.
- Esta grade coberta de rosas foi desenhada para parecer os portões de Céu. Jurei nunca andar sozinho por este caminho. Ela sempre será o meu apoio.

Olhei, admirando todo a beleza do caminho, e perguntei,
- Vocês têm passeado por ele ultimamente?
- Não. E é por isso que está em tal mau estado. Ele respondeu. Mas é nosso sonho ver a primavera juntos mais uma vez. E dar mais um longo passeio.

Então um pensamento veio a mim. Você sabe de onde este pensamentos vêm.
- Você tem uma cadeira de rodas? Perguntei.
- Sim. Na varanda dos fundos. Nós não a usamos. Eu não consigo manobrar. O caminho não é pavimentado. Ele disse.
- Sim, mas eu posso. Fale para sua esposa que vamos passear. Pegarei a cadeira.

Nós três passeando pelos Portões de Céu... Ele ficou ao lado da cadeira segurando a mão da esposa. Passeamos juntos. Talvez uma última vez.

- Esqueçam-se de que estou aqui. Eu disse. Quero que seja o seu momento juntos. Vou ficar quieto e calado. Pense em mim apenas como as mãos de Deus a lhes apoiar.

De fato senti-me invisível. Fui testemunha de um momento notável quando ele começou a cantar suavemente para ela. Num certo momento, ele parou, ajoelhou-se à frente dela, acariciou seu rosto, ela se inclinou e beijaram-se.

Eu não tenho idéia de quanto tempo levou. Gostaria que tivesse sido eterno. Um dia será.

- Obrigado. Você não tem idéia do que você fez por nós. Ele disse.
- Vocês é que não têm nenhum idéia do que fizeram por mim. Eu respondi. Com sua permissão, esta é uma história para meu próximo livro.

Então sua esposa tocou minha mão e sorriu. De sob seu cobertor ela tirou uma pequena rosa que tinha arrancado pelo caminho. Gesticulou para que eu a pegasse. Mas eu peguei sua mão e a coloquei junto à dele e disse,
- Deve ser a última rosa deste ano. Uma flor para lembrar a ambos que a primavera espera por vocês.

Por todos os meus dias restantes, serei grato por aquele passeio. Eu caminhei pelo Portão do Céu para mais um passeio ao redor do jardim.
Um ótimo domingo!

♥ƸӜƷ♥ Auxílio mutuo ♥ƸӜƷ♥

Em zona montanhosa, através de região deserta, caminhavam dois velhos amigos, ambos enfermos, cada qual a defender-se, quanto possível, contra os golpes do ar gelado, quando foram surpreendidos por uma criança semimorta, na estrada, ao sabor da ventania de inverno.

Um deles fixou o singular achado e exclamou, irritadiço: "não perderei tempo. A hora exige cuidado para comigo mesmo. Sigamos à frente".
O outro, porém, mais piedoso, considerou: "amigo, salvemos o pequenino. É nosso irmão em humanidade".

Não posso - disse o companheiro, endurecido - sinto-me cansado e doente.

"Este desconhecido seria um peso insuportável. Temos frio e tempestade. Precisamos chegar à aldeia próxima sem perda de minutos". E avançou para diante em largas passadas.

O viajar de bom sentimento, contudo, inclinou-se para o menino estendido, demorou-se alguns minutos colando-o paternalmente ao próprio peito e, aconchegando-o ainda mais, marchou adiante, embora menos rápido.

A chuva gelada caiu, metódica, pela noite a dentro, mas ele, amparando o valioso fardo, depois de muito tempo atingiu a hospedaria do povoado que buscava. Com enorme surpresa porém, não  encontrou aí o colega que havia seguido na frente.

Somente no dia imediato, depois de minuciosa procura, foi o infeliz viajante encontrado sem vida, numa vala do caminho alagado. Seguindo à pressa e a sós, com a ideia egoística de preservar-se, não resistiu à onda de frio que se fizera violenta e tombou encharcado, sem recursos com que pudesse fazer face ao congelamento.

Enquanto que o companheiro, recebendo, em troca, o suave calor da criança que sustentava junto do próprio coração, superou os obstáculos da noite frígida, salvando-se de semelhante desastre. Descobrira a sublimidade do auxílio mútuo... Ajudando ao menino abandonado, ajudara a si mesmo.

Avançando com sacrifício para ser útil a outrem, conseguira triunfar dos percalços do caminho, alcançando as bênçãos da salvação recíproca.

***
As mais eloquentes e exatas testemunhas de um homem, perante o pai supremo, são as suas próprias obras. Aqueles que amparamos constituem nosso sustentáculo.

O coração que amparamos constituir-se-á agora ou mais tarde em recurso a nosso favor. Ninguém duvide. Um homem sozinho é simplesmente um adorno vivo da solidão, mas aquele que coopera em benefício do próximo é credor do auxílio comum.

Ajudando, seremos ajudados. Dando, receberemos: esta é a lei divina

Autor:Desconhecido

Onde e quando Jesus nasceu?


Perguntemos a Maria de Magdala onde e quando nasceu Jesus, e ela nos responderá:
- Jesus nasceu em Betânia. Foi certa vez, quando a sua voz, tão cheia de pureza e santidade, despertou em mim a sensação de uma vida nova com a qual até então jamais sonhara.

Perguntemos a Francisco de Assis o que ele sabe sobre o nascimento de Jesus. Ele nos responderá:
- Ele nasceu no dia em que, na praça de Assis entreguei minha bolsa, minhas roupas e até meu nome para segui-lo incondicionalmente, pois sabia que somente ele é a fonte inesgotável de amor.

Perguntemos a Pedro quando deu o nascimento de Jesus. Ele nos responderá:
- Jesus nasceu no pátio do palácio de Caifas, na noite em que o galo cantou pela terceira vez, no momento em que eu o havia negado. Foi nesse instante minha consciência acordou para a verdadeira vida.

Perguntemos a Paulo de Tarso, quando se deu o nascimento de Jesus. Ele nos responderá:
- Jesus nasceu na Estrada de Damasco quando, envolvido por intensa luz que me deixou cego, pude ver a figura nobre e serena que me perguntava:"Saulo, Saulo porque me persegue?" E na cegueira passei a enxergar um mundo novo quando eu lhe disse:"Senhor, o que queres que eu faça?!"

Perguntemos a Joana de Cusa onde e quando nasceu Jesus. E ela nos responderá:
- Jesus nasceu no dia em que, amarrada ao poste do circo em Roma, eu ouvi o povo gritar: -"Negue! Negue!" E o soldado com a tocha acesa dizendo: -"Este teu Cristo ensinou-lhe apenas a morrer?" Foi neste instante que, sentindo o fogo subir pelo meu corpo, pude com toda certeza e sinceridade dizer: -"Não me ensinou só isso, Jesus ensinou-me também a amá-lo."

Perguntemos a Tomé onde e quando nasceu Jesus. Ele nos responderá:
- Jesus nasceu naquele dia inesquecível em que ele me pediu para tocar as suas chagas e me foi dado testemunhar que a morte não tinha poder sobre o filho de Deus. Só então compreendi o sentido de suas palavras: -"Eu sou o caminho, a verdade e a vida."

Perguntemos à mulher da Samaria o que ela sabe sobre o nascimento de  Jesus. E ela nos responderá:

- Jesus nasceu junto à fonte de Jacob na tarde em que me pediu de beber e me disse: -"Mulher eu posso te dar a água viva que sacia toda a sede, pois vem do amor de Deus e santifica as criaturas." Naquela tarde soube que Jesus era realmente um profeta de Deus e lhe pedi:"Senhor, dá-me desta água."

Perguntemos a João Batista quando se deu o nascimento de Jesus. Ele nos responderá:
- Jesus nasceu no instante em que, chegando ao rio Jordão, pediu-me que o batizasse. E ante a meiguice do seu olhar e a majestade da sua figura pude ouvir a mensagem do Alto:"Este é o meu Filho Amado, no qual pus a minha complacência!" Compreendi que chegara o momento de Ele crescer e eu
diminuir, para a glória de Deus.

Perguntemos a Lázaro onde e quando nasceu Jesus? Ele nos responderá:
- Jesus nasceu em Betânia, na tarde em que visitou o meu túmulo e disse:- "Lázaro! Levanta." Neste momento compreendi finalmente quem Ele era: A Ressurreição e a Vida!

Perguntemos a Judas Iscariotes quando se deu o nascimento de Jesus. Ele nos responderá:
- Jesus nasceu no instante em que eu assistia ao seu julgamento e à sua condenação. Compreendi que Jesus estava acima de todos os tesouros terrenos. Foi naquele instante que percebi a Sua misericórdia e o Seu imenso amor pelas criaturas.

Perguntemos, finalmente, a Maria de Nazaré onde e quando nasceu Jesus, e ela nos responderá:
- Jesus nasceu em Belém, sob as estrelas, que eram focos de luzes guiando os pastores e suas ovelhas ao berço de palha. Foi quando segurei em meus braços pela primeira vez que senti se cumprir a promessa de um novo tempo através daquele Menino que Deus enviara ao mundo, para ensinar aos homens a lei maior do Amor.
                                      
Agora pensemos um pouquinho: E para nós, quando Jesus nasceu? Pensemos mais um pouquinho... E se descobrirmos que ele não nasceu? Então, procuremos urgentemente fazer com que ele nasça um dia destes, porque quando isso acontecer, teremos finalmente entendido o Natal e verdadeiramente encontrado a luz.
Autor:Desconhecido

sábado, 22 de setembro de 2012



O viajante do tempo


O que é a vida?










Uma sucessão de dias feitos de sucessões de atitudes que tomamos.
Resultado de uma aritmética que soma os nossos atos com o impacto que causamos a nossa volta, divide as responsabilidades que assumimos e multiplica pelo bem ou mal que fizemos, subtraindo aquilo que deixamos de fazer.

Nada é imposto, nada é adicionado sem a nossa permissão, que as vezes é dada pela omissão das nossas respostas.
Apanhamos uma vez e nos calamos,
apanhamos de novo e nos calamos,
na terceira vez já virou hábito e o nosso silêncio ou revolta é apenas a confirmação da nossa tolerância com o quem nos espanca.
A vida é ainda comparável a um carro, onde podemos assumir o volante e dirigir ou entregar a direção na mão de outras pessoas, e aceitar o caminho que elas resolverem seguir, mesmo que seja o oposto do que desejamos. Aceitamos calados, deprimidos, pois a nossa vontade nem sempre é levada em conta. É por isso que muitos reclamam demais da vida, falta corgem para assumir a direção.
A vida pede que cada um aceite a sua cota de responsabilidade e mesmo sem saber dirigir muito bem, que cada um pegue o seu volante e vá descobrir novos caminhos, cair em buracos, armadilhas na estrada e acabar descobrindo ao lado da pista de terra, há uma linda avenida pavimentada com capricho, onde você pode seguir seguro, com tranqüilidade e até muito conforto.
A vida só pede uma decisão diária: você vai sentar e assumir o controle do seu carro”, ou vai continuar pedindo que os outros dirijam para você?
Não tenha medo de dirigir, ainda que você não saiba o caminho, existe e sempre existirá um Guia seguro que pode levar você de qualquer lugar para o destino desejado.
No nosso caso,
a vida é o carro, o motorista é você,
o caminho é o dia, o destino a Luz,
e o guia, é claro, só pode ser Jesus.
Boa viagem!
Paulo Roberto Gaefke


quinta-feira, 16 de agosto de 2012

             O Bosque

 

 


Um médico, cujo "hobby" era plantar árvores no enorme quintal de sua casa.
Às vezes, observava da minha janela o seu esforço para plantar árvores e mais árvores, todos os dias.

O que mais chamava a atenção, entretanto, era o fato de que ele jamais regava as mudas que plantava. Passei a notar, depois de algum tempo, que suas árvores estavam demorando muito para crescer.

Certo dia,
resolvi então aproximar-me do médico e perguntei se ele não tinha receio de que as árvores não crescessem, pois percebia que ele nunca as regava.  Foi quando, com um ar orgulhoso, ele me descreveu sua fantástica teoria.

Disse-me
que, se regasse suas plantas, as raízes se acomodariam na superfície e ficariam sempre esperando pela água mais fácil, vinda de cima. 

Como ele não as regava, as árvores demorariam mais para crescer, mas suas raízes tenderiam a migrar para o fundo, em busca da água e das várias fontes nutrientes encontradas nas camadas mais inferiores do solo.

Assim, segundo ele, as árvores teriam raízes profundas e seriam mais resistentes às intempéries.

Disse-me ainda,
que freqüentemente dava uma palmadinha nas suas árvores, com um jornal enrolado, e que fazia isso para que se mantivessem sempre acordadas e atentas.

Essa foi a única
conversa que tive com aquele meu vizinho.
Logo depois, fui morar em outro país, e nunca mais o encontrei.  Vários anos depois, ao retornar do exterior fui dar uma olhada na minha antiga residência.

Ao aproximar-me, notei um bosque que não havia antes.
Meu antigo vizinho, havia realizado seu sonho!   O curioso é que aquele era um dia de um vento muito forte e gelado, em que as árvores da rua estavam arqueadas, como se não estivessem resistindo ao rigor do inverno.

Entretanto,
ao aproximar-me do quintal do médico, notei como estavam sólidas as suas árvores: praticamente não se moviam, resistindo implacavelmente àquela ventania toda.  Que efeito curioso, pensei eu...

As adversidades pela qual aquelas árvores tinham passado, levando palmadelas e tendo sido privadas de água, pareciam tê-las beneficiado de um modo que o conforto o tratamento mais fácil jamais conseguiriam.

Todas as noites,
antes de ir me deitar, dou sempre uma olhada em meus filhos. Debruço-me sobre suas camas e observo como têm crescido.  Freqüentemente, oro por eles. Na maioria das vezes, peço para que suas vidas sejam fáceis:

"Meu Deus, livre meus filhos de todas as dificuldades e agressões desse mundo"...  Tenho pensado, entretanto, que é hora de alterar minhas orações. Essa mudança tem a ver com o fato de que é inevitável que os ventos gelados e fortes nos atinjam e aos nossos filhos.

Sei que eles
encontrarão inúmeros problemas e que, portanto, minhas orações para que as dificuldades não ocorram, têm sido ingênuas demais. Sempre haverá uma tempestade, ocorrendo em algum lugar.

Portanto, pretendo mudar minhas orações. Farei isso porque, quer nós queiramos ou não, a vida é não é muito fácil.

Ao contrário do que tenho feito, passarei a orar para que meus filhos cresçam com raízes profundas, de tal forma que possam retirar energia das melhores fontes, das mais divinas, que se encontram nos locais mais remotos.

Oramos demais
para termos facilidades, mas na verdade o que precisamos fazer é pedir para desenvolver raízes fortes e profundas, de tal modo que quando as tempestades chegarem e os ventos gelados soprarem, resistiremos bravamente, ao invés de sermos subjugados e varridos para longe.

Autor:Desconhecido

terça-feira, 14 de agosto de 2012

Pense como um vencedor  

 

 

Avalie você mesmo, meu jovem. Você tem tudo o que os grandes homens tinham: dois braços, duas pernas, dois olhos e um cérebro para usar se for esperto.

Todos começaram com esse equipamento. Então, comece do alto e diga ''Eu posso".

Olhe para eles, os sábios e grandes. Eles comem de um prato comum, com facas e garfos semelhantes, e com laços semelhantes amarram os sapatos. No entanto, o mundo os acha bravos e talentosos.

Mas você também tem o que todos tinham ao começar. Você pode triunfar e chegar ao sucesso, você pode ser grande, bastando querer. Está equipado para a luta que escolher, tem pernas, braços e um cérebro para usar.

Você é o obstáculo que deve enfrentar, você é quem escolhe seu lugar, você deve dizer para onde quer ir, o quanto quer estudar, qual verdade oculta quer conhecer.

Deus o equipou para a vida, mas Ele deixa-o decidir aquilo que quer ser. A coragem deve vir da alma interior. O homem deve enfrentar barreiras com vontade de vencê-las.

Então, avalie você mesmo. Você nasceu com tudo o que os grandes tinham. Com seu equipamento, todos eles começaram.

Apoie-se em si mesmo e diga: "Eu posso".
Autor:Desconhecido

Celebração

 

 

O sucesso é construído sobre conquistas materiais, mas a felicidade é construída sobre percepções. Muitas pessoas não percebem que os maiores tesouros já foram conquistados. Fixam o olhar no que falta atingir e não desfrutam o que está ao lado delas. Os donos do futuro criam o amanhã e desfrutam o presente. A maneira de perceber o que se tem e o que se é define a sensação de plenitude na vida.

Uma pessoa que ganha um milhão de dólares por ano pode se achar pobre porque, ao se comparar com bilionários, considera que ainda ganha pouco. Por outro lado, alguém que recebe mil dólares por mês pode se sentir milionário porque consegue curtir cada centavo aproveitando a vida.

A maioria das pessoas, entretanto, luta por metas que não levam à felicidade... Trabalham demais para juntar dinheiro e não conseguem reservar o fim de semana para cuidar de si. Cuidam melhor da conta bancária que da alma.
Quantas pessoas perdem a vida correndo atrás de miragens, vivendo a ilusão de que a próxima conquista é que vai levá-la à felicidade? Com isso, acabam criando mais infelicidade para si mesmas e para as pessoas que amam. Quando não estamos felizes, começamos a lutar por conquistas que acreditamos que possam nos saciar.

Entramos em uma viagem voraz... Ninguém precisa de três carros para ser feliz. Criamos objetos de desejo a todo momento. Competimos no limite para ter uma posição melhor na empresa. A maior parte das pessoas passa a vida procurando sentir-se importante para ter a sensação do sucesso. Mas sucesso sem qualidade de vida não é sucesso, é ilusão.


O sucesso só tem sentido quando é conseqüência do crescimento interior. Portanto, procure o significado dos seus sonhos, das suas lutas. Reflita sobre o caminho que você está percorrendo. Não deixe que o sucesso destrua a sua felicidade. Sucesso é conseguir o que você quer. Felicidade é conquistar o que você precisa.


(Roberto Shinyashiki, no livro "Os Donos do Futuro")

Jesus

 

George Thomas, um missionário inglês, apareceu um dia em sua pregação carregando uma gaiola. Cuidadosamente, colocou-a no púlpito, e começou a falar:

"Estava andando pela rua ontem, e vi um menino levando essa gaiola com um pequeno pássaro, tremendo de frio e medo. Eu perguntei:
- O que você vai fazer com esse passarinho?
Ao que ele respondeu:
- Vou levá-lo em casa para tirar suas penas e queimá-lo! Vou me divertir muito com ele!
Estupefato, ainda pude perguntar: - Quanto você quer por esse passarinho?
- Ah...O senhor não vai quere-lo... Ele não serve pra nada! É muito feio!
Sendo muito insistente, consegui dissuadir o menino de seu intento e comprei o passarinho por vinte dólares. E já de posse do pobre pássaro, libertei-o tão logo o menino deu-me as costas...
Um dia, Jesus Cristo e satanás estavam conversando e Jesus perguntou o que ele estava fazendo para as pessoas aqui na terra. O diabo respondeu: - Estou me divertindo com elas! Ensino-as a fazer bombas e a matar, a usar armas, a odiar umas às outras, a casar e divorciar, ensino-as a abusar de criancinhas, ensino os jovens a usar drogas, a beber e fazer tudo o que não se deve! Realmente...Estou me divertindo muito!
Jesus perguntou: - E depois o que você vai fazer? Em resposta, o diabo feriu os ouvidos de Jesus Cristo, dizendo: - Vou matá-los e acabar com eles!
Jesus perguntou: - Quanto você quer por eles? Em deboche, gargalhando, o diabo respondeu: - Ah... Você não vai querer essas pessoas... Elas são traiçoeiras, mentirosas, falsas, egoístas e avarentas! Elas não vão te amar de verdade, vão bater e cuspir no Teu rosto, vão Te desprezar e nem vão levar em consideração o que você fizer!
Impolutamente, e resoluto, Jesus Cristo, com uma voz cheia de certeza, ainda perguntou: - Quanto você quer por elas, satanás?
O diabo, enfurecido, com chispas de ódio em seus olhos respondeu: - Quero toda a tua lágrima e todo o teu sangue! Jesus bravamente, com sua voz esplendorosa, respondeu: - Trato feito! E Jesus pagou o preço da nossa liberdade!"
Como nós podemos nos esquecer de Jesus? Acreditamos em tudo o que nos é ensinado no mundo secular, mas sempre questionamos as coisas que vem de Deus! Todos querem um dia estar com Deus, mas não querem conhecê-lo! E amá-lo!
Autor:Desconhecido

Para reflexão e...  ação

 

 

A diferença entre os países pobres e os ricos não é a idade do país. Isto pode ser demonstrado por países como Índia e  Egito, que tem mais de 2000 anos e são pobres. Por outro lado, Canadá, Austrália e Nova Zelândia, que há 150 anos eram inexpressivos, hoje são países desenvolvidos e ricos. A diferença entre países pobres e ricos também não  reside nos recursos naturais disponíveis.

O Japão possui um território limitado, 80%  montanhoso, inadequado para a agricultura e a criação de gado, mas é a segunda  economia mundial.O país é como uma imensa fábrica flutuante, importando  matéria-prima do mundo todo e exportando produtos manufaturados.
Outro exemplo é a Suíça, que não planta cacau mas  tem o melhor chocolate o mundo. Em seu pequeno território cria animais e  cultiva o solo durante apenas quatro meses no ano. Não obstante, fabrica laticínios da melhor qualidade. É um país pequeno que passa uma imagem de  segurança, ordem e trabalho, o que o transformou na caixa forte do  mundo.
Executivos de países  ricos que se relacionam com seus pares de países pobres mostram que não há diferença intelectual significativa. A raça ou a cor da pele também não são importantes: imigrantes rotulados de preguiçosos em seus países de origem são a força  produtiva de países europeus ricos. Qual é então a diferença?

A diferença é a atitude das pessoas, moldada ao  longo dos anos pela educação e pela cultura. Ao analisarmos a conduta das pessoas nos  países ricos e desenvolvidos, constatamos que a grande maioria segue os  seguintes princípios de vida:

1. A ética, como princípio  básico.
2. A integridade.
3. A responsabilidade.
4. O respeito às leis e  regulamentos.
5. O respeito pelo direito dos demais  cidadãos.
6. O amor ao trabalho.
7. O esforço pela poupança e pelo  investimento.
8. O desejo de superação.
9. A pontualidade.

Nos países pobres apenas uma minoria segue esses princípios básicos em sua vida diária. Não somos pobres porque nos faltam recursos naturais ou porque a natureza foi cruel conosco. Somos pobres porque nos falta  atitude. Nos falta vontade  para cumprir e ensinar esses princípios de funcionamento das sociedades ricas e desenvolvidas.
Somos assim,  por querer levar vantagens sobre tudo e todos. Somos assim por ver algo de errado e dizer: “deixa pra lá”. Devemos ter atitudes e memória viva... Só assim mudaremos o Brasil de hoje.

Autor:Desconhecido

quarta-feira, 6 de junho de 2012





 

Me desculpe mas você não tem o direito de ficar assim, não pode de forma alguma aceitar as coisas, que se apresentam assim de qualquer jeito.
O conformismo é a pior atitude que podemos tomar, ele causa pequenas feridas que hoje nem dá para ver, mas com o tempo, elas vão crescendo e tomando formas, vão virando monstros obsessivos, "chupadores de sonhos".
É assim que nos tornamos insensíveis ás dores, é assim que aceitamos o fim de algo que não queremos, é assim que o doente morre mais rápido, é assim que o endividado se enforca mais e mais, é assim que o azarado se torna mais infeliz, é aceitando o não, quando quer um sim, e dizendo sim, quando quer dizer não.
Me desculpe mais uma vez, mas eu sei que o quê você pode fazer é muito mais do que isso, é muito mais do que cruzar os braços, é mais do que dizer que não vai mudar nunca, que você nasceu assim e assim vai morrer, isso é burrice, é revolta inútil.
Revolte-se contra o pessimismo, revolte-se contra o não agir, revolte-se com as coisas que você faz sempre errado, e que só dependem de uma única atitude, sua é claro, e pare de procurar culpados, afinal de contas, a vida é sua, e só você sabe onde a dor é mais forte.
Você é mais do que isso, mais do que querem te fazer pensar que é, e mais ainda do que imagina ser capaz, você é exatamente do tamanho da sua capacidade de crer, acreditar e sonhar, e onde você quer chegar é apenas o inicio de um novo tempo, de um novo ser, tempo de você realizar.

Paulo Roberto Gaefke

terça-feira, 29 de maio de 2012

O rio e o mar


Sobre as pedras brancas e lapidadas ele percorria. Percorria só, atento às ondulações em suas margens. Observando dia e noite a mata que o protegia. Sabia estar indo para algum lugar, mas não podia prever aonde daria seu curso.

Por vezes sentia-se só e alegrava-se quando os animais vinham nele beber. Dia e noite suas águas percorriam e desejava saber o porquê da sua natureza assim ser. Queria parar um pouco e desfrutar das mesmas coisas que todos desfrutavam na mata.

Um dia ao entardecer entristeceu-se e se pôs a chorar. Sentia muita solidão... Suas lágrimas inundaram a mata, causando pânico aos que nela viviam:
- Rio, por que choras? Tua tristeza desequilibra a natureza na qual vivemos!
- Choro por sentir-me só. Enquanto todos possuem companhia, eu percorro sozinho, sem ninguém para falar, ninguém para brincar. E sinto medo, pois não sei para onde estou indo...

Todos na mata silenciaram diante da tristeza do rio. Também não sabiam aonde ele iria chegar. Não podiam ajudá-lo. E assim todos ficaram parados, vendo o rio passar... Sua tristeza era profunda e não havia meios de ajudá-lo...
A chuva surgiu inesperadamente de dentro da mata e vendo a tristeza do rio, perguntou:
- O que lhe tira a paz, meu caro amigo?
- Não entendo minha natureza e sinto-me muito sozinho a percorrer por tantos caminhos que nunca chegam a lugar algum.

A chuva vendo o desespero do rio, afagou-o gentilmente com suas águas límpidas.
- Se choras por estares só é porque ainda não descobriste tua real natureza. Nada neste mundo está só, excluído do todo. Aceita tua natureza e percorre feliz em teu curso. És tão necessário quanto a mata e tudo que nela vive. És tão necessário quanto o sol e tudo que na sua luz é banhado. Teu destino não está longe e quando o encontrares saberás que tudo tem uma razão de ser. Aceita a orientação que vem de dentro, ela sabe o percurso e sabe para onde estás indo. Confia e tua confiança conduzir-te-á para tua alegria, para teu descanso, para teu reencontro com a tua verdadeira natureza. Quando chegares neste lugar estarás em paz, pois viverás com os teus iguais.

O rio recebeu a chuva com contentamento e tratou de seguir seu curso, confiante no que a chuva lhe falara.
Adiante, uma surpresa, uma linda surpresa: Percebeu que estava saindo da verde mata, caindo lentamente sobre um mar azul... Infinitamente azul...
Autor:Desconhecido

Uma mãe muito especial

 

 

Deus passeando sobre a Terra, seleciona seus instrumentos para a preservação da espécie humana com grande cuidado e deliberação. A medida em que vai observando, Ele manda os seus anjos fazerem anotações em um bloco gigante.
- Elizabete Souza...vai ter um menino. Santo protetor da mãe: São Mateus. Mariana Ribeiro...menina. Santa protetora da mãe: Santa Cecília. Claudia Antunes...esta terá gêmeos. Santo protetor...mande São Geraldo protegê-la. Ele esta acostumado com quantidade.

Finalmente Deus dita um nome a um dos anjos, sorri e diz:
- Para esta, mande uma criança excepcional.
O anjo cheio de curiosidade pergunta:
- Porque justamente ela Senhor? Ela é tão feliz.
- Exatamente, responde Deus, sorrindo. Eu poderia confiar uma criança deficiente a uma mãe que não conhecesse o riso? Isto seria cruel!

- Mas será que ela terá paciência suficiente?
- Eu não quero que ela tenha paciência demais, senão ela vai acabar se afogando num mar de desespero e auto-compaixão. Quando o choque e a tristeza passarem, ela controlará a situação. Eu a estava observando hoje, ela tem um conhecimento de si mesma e um senso de independência, que são raros, e ao mesmo tempo, tão necessários para uma mãe. Veja a criança que vou confiar a ela, tem todo o seu mundo próprio. Ela tem que trazer esta criança para o mundo real e isto não vai ser nada fácil.

- Mas Senhor, eu acho que ela nem acredita em Deus!
Deus sorri.
- Isto não importa, dá-se um jeito. Esta mãe é perfeita. Ela tem a dose exata de egoísmo de que vai precisar.
O anjo engasga.
- Egoísmo? Isto é uma virtude?
Deus balança a cabeça afirmativamente.

- Se ela não for capaz de se separar da criança de vez em quando, ela não vai sobreviver. Sim, aqui está a mulher a quem eu vou abençoar com uma criança menos "perfeita" do que as outras. Ela ainda não tem consciência disto, mas ela será invejada. Ela nunca vai considerar banal qualquer palavra pronunciada por seu filho. Por mais simples que seja um balbucio dessa criança, ela o receberá como um grande presente.
 Nenhuma conquista da criança será vista por ela como corriqueira.

Quando a criança disser "MAMÃE" pela primeira vez esta mulher será testemunha de um milagre e saberá recebê-lo. Quando ela mostrar uma árvore ou um pôr-do-sol ao seu filho e tentar ensiná-lo a repetir as palavras "árvore" e "sol", ela será capaz de enxergar minhas criações como poucas pessoas são capazes de vê-las. Eu vou permitir que ela veja claramente as coisas que Eu vejo: ignorância, crueldade e preconceito.

Então vou fazer com que ela seja mais forte do que tudo isso.
Ela nunca estará sozinha. Eu estarei a seu lado a cada minuto
de cada dia de sua vida, porque ela estará fazendo meu trabalho e estará aqui ao meu lado.

E qual será o santo protetor desta mãe? Pergunta o anjo, com caneta na mão.
Deus novamente sorri.
- Nenhum! Basta que ela se olhe num espelho.
Autor:Desconhecido

terça-feira, 22 de maio de 2012

Se dê uma chance


Quando a tristeza toma conta, quando chega sem aviso, e nos tira da frente dos olhos o que de mais belo temos para ver, e nos rouba os sentimentos e os sorrisos...
Neste momento é chegada a hora de sentar um pouco... Sentar em um dos tantos espaços da vida, quietinho, e muito lentamente,
trilhar o caminho ao início da mágoa, à fonte da tristeza.
E chegando nela,
observar muito atentamente, sentir com toda intensidade, conhecer realmente e encarar de frente a razão desta mágoa.
E a partir deste momento projetar a saída para a VIDA, para a PAZ novamente. Porque lá chegando, no centro desta tristeza, você terá sempre caminhos à escolher.  Você pode escolher permanecer neste espaço de infelicidade, sentir sua vida se esgotando, e carregar com você pessoas que ama, que te amam, e precisam de sua ajuda AINDA E SEMPRE.

E passará o resto de sua vida com uma lágrima nos olhos e uma grande e pesada porta vedando seu coração. Mas você pode perceber que existe um
caminho mais difícil de iniciar,
mas muito mais fácil de percorrer...
Você pode tentar se erguer e dar o primeiro
passo para a PAZ. Porque sua tristeza pode ser imensa, mas com certeza você tem por perto uma,
talvez até pequena, fonte de felicidade.
Se dê uma chance e se entregue à esta pequena alegria, deixe que um amigo se aproxime de você, receba o beijo carinhoso de alguém que precisa te amar, e aceite caminhar de mãos dadas, ainda que por pouco tempo.
E se além de imensa, sua tristeza é irreparável,
sem chance  alguma de sair de uma vez de sua vida, mesmo assim, não desista.  Guarde em seu coração o sentimento que esta tristeza cria em você. Não fuja disto. 

ENFRENTE ISSO!!
!
Você vai então perceber, que teu coração é imenso... como é grande este nosso coração!!!
Porque mesmo com aquela tão nossa conhecida tristeza ocupando nele seu espaço, ainda assim,
existe outro espaço infinito, e quantos e quantos momentos de felicidade podem ainda  ser aninhados dentro dele.
E, apesar de serem "momentos" de felicidade,
de não serem eternos, a lembrança desta felicidade permanecerá
eternamente contigo.
Valorize cada uma destas lembranças. Logo nos seus primeiros passos em direção à um amigo,  você com certeza vai receber um sorriso. 
GUARDE CONTIGO!!
Você quem sabe, receberá um olhar afetuoso,
um afago no rosto, um cheiro de flor, um carinho de criança...
Guarde tudo isto em seu coração!!!
Cada pedacinho de felicidade lhe dá força  e coragem para mais um passo.
Porque a VIDA é assim...
ou você se deixa escorregar fácil e displicentemente pelas tristezas, ou você constrói a cada dia e a cada minuto, o SEU espaço quente e aconchegante de
FELICIDADE!
 Autor:Desconhecido 

 

✿♥✿ Gotas de Bênçãos ✿♥✿

 

 Havia uma fazenda onde os trabalhadores viviam tristes e isolados.  Os trabalhadores estendiam suas roupas surradas no varal e alimentavam seus magros cães com o pouco que sobrava das refeições. Todos que viviam ali trabalhavam na roça do Sinhozinho, um homem rico e poderoso, que, dono de muitas terras exigia que todos trabalhassem duro pagando por isso muito pouco.

Um dia chegou ali um novo empregado. Era um jovem agricultor em busca de trabalho. Recebeu como todos uma velha casa onde iria morar enquanto trabalhasse ali. O jovem vendo aquela casa suja e largada, resolveu dar-lhe vida nova. Pegou uma parte de suas economias, foi até a cidade comprou algumas latas de tinta. Chegando em casa, em suas horas vagas, cuidou da limpeza, lixou as paredes com cores alegres e brilhantes, colocou flores nos vasos. Aquela casa limpa e arrumada chamava a atenção de todos que passavam.

O jovem sempre alegre trabalhava feliz na fazenda. Os outros trabalhadores lhe perguntavam: Como você consegue trabalhar feliz e sempre cantando com o pouco dinheiro que ganhamos?
O jovem olhou para os amigos e disse:
Bem, este trabalho, hoje, é tudo o que eu tenho. Ao invés de blasfemar e reclamar prefiro agradecer por ele. Quando aceitei este trabalho sabia de suas limitações. Não é justo que agora que estou aqui, fique reclamando. Eu o aceitei e farei com capricho e amor aquilo que aceitei fazer.

Os outros olharam admirados. Como ele pode pensar assim? Afinal, acreditavam ser vítimas das circunstâncias, abandonados pelo destino. O entusiasmo do rapaz em pouco tempo chamou a atenção de Sinhôzinho que passou a observar a distância os passos dele. Um dia Sinhôzinho pensou:
Alguém que cuida com tanto cuidado e carinho da casa que emprestei, cuidará também com o mesmo capricho da minha fazenda. Ele é o único aqui que pensa como eu. Estou velho e preciso de alguém que me ajude na administração da fazenda.

Sinhôzinho, foi até a casa do rapaz, e, após tomar um café fresco, ofereceu ao jovem um emprego de administrador da fazenda...
O rapaz prontamente aceitou.
Seus amigos agricultores novamente foram perguntar-lhe:
O que faz com que algumas pessoas sejam bem sucedidas e outras não?
E ouviram com atenção a resposta:
"NÃO EXISTE REALIDADE, EXISTE NO HOMEM, A CAPACIDADE DE REALIZAR!"

Uma bela lição encerra essa estória.
TRABALHE SEMPRE COM ALEGRIA. FAÇA DO SEU TRABALHO UM MOTIVO DE CONTENTAMENTO.
Seja ele qual trabalho for. Todo trabalho é DIGNO e BELO.
É necessário, e faz bem, colocar AMOR em tudo o que se faz nessa vida. Só REALIZA, quem assim age. Pode acreditar.

Autor:Desconhecido

quinta-feira, 17 de maio de 2012

Instruções para a vida

 

 

Coma muito arroz integral. Dê as pessoas mais do que esperam e faça-o com gosto. Decore seu poema favorito. Não acredite em tudo o que escutar, não gaste tudo o que tem, nem durma tudo o que quiser. Quando disser "te amo", diga-o de verdade… Quando disser "sinto muito", olhe a pessoa nos olhos.
Creia no amor à primeira vista. Jamais ignore os sonhos dos outros. Ame profunda e apaixonadamente. Você pode sair ferido, mas essa é a única maneira de viver a vida completamente. Enfrente os desacordos, lute limpo e não ofenda. Não julgue os demais pelos parentes. Fale lentamente, mas pense com rapidez. Quando alguém fizer uma pergunta que não queiras responder, sorria e pergunte: "Porque quer saber?" Lembre que o maior amor e as maiores conquistas envolvem os maiores riscos. Ligue para sua mãe. Se isto não for possível, ao menos pense nela.

Diga "SAÚDE" quando alguém espirrar. Nas perdas, não percas a lição. Lembre-se dos três R's: Respeito a você mesmo, Respeito aos demais e Responsabilidade para todas as suas ações Não permita que uma pequena disputa estrague uma grande amizade. Quando você perceber que errou, faça o que for possível para consertar seu erro. Imediatamente. Sorria quando estiver ao telefone. Quem liga vai sentir seu sorriso pelo seu tom de voz. Case com uma pessoa que goste de conversar. quando a velhice chega, seu poder de falar e ouvir são mais importantes que qualquer outra coisa.
Passe algum tempo em solidão. Abra seus braços aos amigos, mas não se desprenda de seus valores. Lembre que o silêncio é, às vezes, a melhor resposta. Leia mais livros e assista menos TV. Viva uma vida boa e honesta. Assim, quando estiver velho e lembrar do passado, verás como desfrutar de tudo pela segunda vez. Confie em Deus, mas feche bem teu carro.
Uma atmosfera de carinho e afeição dentro de casa é fundamental. Faça todo o possível para que seu lar seja sempre um lugar tranqüilo e harmonioso. Quando você estiver em desacordo com alguém muito querido, procure resolver a pendência de uma vez, sem ressentimentos Não remexa em situações passadas. Leia sempre nas entrelinhas. Interprete fatos e reações Reparta seus conhecimentos. É uma maneira de alcançar a imortalidade.
Seja gentil com o planeta... Jamais interrompa o curso das águas. Ocupe-se de seus próprios assuntos. Não confie num homem ou mulher que não feche os olhos quando recebem um beijo. Uma vez por ano, visite algum lugar nunca . antes visitado. Se ganhas muito dinheiro, ajude aos outros ainda em vida. É a maior satisfação que a fortuna pode trazer.
Lembre-se de que não conseguir o que se quer é, as vezes, um golpe de sorte Aprenda bem as regras… assim saberás como infringi-las da forma correta. Lembre que o melhor relacionamento é aquele no qual o amor de um pelo outro é maior do que a necessidade que um tem do outro. Julgue o seu sucesso por aquilo o que você teve que renunciar para conseguir. Enfrente o amor e o ato de cozinhar com total abandono.
Autor:Desconhecido


"Estou neste momento respondendo no altar de renovação!"

 

 Mensagem de Deus



“Aprendi a querer o que Deus quer, e tudo o que quiserdes, certamente se realizará.” “Se, pois quiserdes colher à esquerda, semeai à direita: meditai neste conselho que tem a aparência de um paradoxo e que vos faz entrever um dos maiores segredos da filosofia oculta.” Deus é o Universo, é a alma da Luz, é a verdade absoluta. Deus é o capaz, é a razão, é o paradoxo de nossas vidas.
Assim como a Astrologia, o estudo Cabalístico é uma das formas de encontrarmos nossa plenitude. Temos o livre arbítrio, mas como toda regra, se tem excessões. Somos donos do nosso destino, mas o que somos nem sempre é o que gostaríamos de ser. Tudo realmente está escrito nos astros e é por esta razão que os anjos nos ajudam a enfrentar nossas vidas, para que possamos evoluir. O grande segredo da Magia, é o AMOR, porém é preciso distinguir o amor que imortaliza do que mata.
Deus sempre enviou anjos à Terra, para que homens se sintam protegidos e amados na mais remota solidão. E o que é a solidão senão um aprendizado de elevação. Aprendi que nada nessa vida acontece por acaso e se o acaso ocorre, geralmente nós o procuramos. O amor e o ódio vivem lado a lado. Quantas vezes pedimos aos anjos ou a Deus que nos ajude em alguma coisa?
Mas quantas vezes agrademos pelo ar, por esse Sol, essa terra maravilhosa que está aí, de graça? Pela dor, aprendemos, mas pelo amor, esquecemos de aprender ou de ensinar! Nesse momento, coloco toda minha existência e razão de ser, para que as pessoas possam sentir o alívio, sentir a Paz, sentir que o material não é nada comparado com uma alma leve, solta. Todos os dias estamos aprendendo, vivendo e vivenciando momentos que de repente se perdem com o passar do tempo. Vivemos reclamando por um amor perdido, por falta de dinheiro, por falta de CORAGEM.
Deus nos fez a Sua imagem, então, podemos concluir que somos parte de Deus e esse Deus está em nosso consciente. Se sofremos, Deus sofre. Se choramos por um amor perdido, Deus chora. Se cruzamos os braços, Deus cruza também. Na realidade, o que estou esclarecendo nesse momento, é que na ERA de Aquário, o nosso maior inimigo oculto, somos NÓS mesmos.
Amor não se perde, é eterno. Braços cruzados nos aleja. Chorar, geralmente contrai músculos e chega a envelhecer. Covardia é Guerra perdida. A ausência de religião hoje em dia, nos ensina erroneamente a vida, pois nos tornamos cada vez mais materialistas e é por está razão que os Anjos chegam para resgatar essa ausência de existência.
Temos que aprender a nos respeitar, a nos amar, a nos influenciar por verdadeiros valores. Anjos não tem idade, sexo, ou religião. Eles são emissários e mensageiros de Deus. É por intermédio deles que Deus nos ajuda. É por intermédio deles, que evoluímos a cada vida. Anjos são os cromossomos da astrologia e a astrologia é a essência de Deus. Para cada dia há um Anjo e para cada Anjo há um ser.

Nesse momento, iremos entrar numa lógica do ocultismo. Vamos verificar como e porque a sua Paz depende tanto da sua Boa Vontade e de sua Coragem. Gabriel, um Príncipe angelical, avisou a Maria que ela iria Ter um filho de Deus. Raphael e tantos outros tiveram e tem suas mensagens para nos dar. “Temos aqui, uma megacrise e os anjos vieram para nos resgatar e se não acreditarmos neles como expressão de “fraternidade” tudo será aniquilado!”

Jimmy Carter -Ex-Presidente dos Estados Unidos da América