segunda-feira, 22 de agosto de 2011

Dores da Alma

 
As dores da alma não deixam recados, imprimem uma sentença que perdura pelos anos. Um amor que acabou mal resolvido... Um emprego que se perdeu inexplicavelmente...
Um casamento que mal começou e já terminou... Uma amizade que acabou com traição... Tudo vai deixando sinais, marcas profundas...

Precisamos trabalhar as dores da alma, para que sirvam apenas de aprendizado, extraindo delas a capacidade de nos fortalecermos... Aprendendo que o melhor de nós, ainda está em nós mesmos...

Que amando-nos incondicionalmente descobrimos a auto-estima... Que se deixarmos seguir o caminho da dor e da lamentação, iremos buraco abaixo no caminho da depressão. As dores da alma não saem no jornal e não viram capa de revista... E só quem sente, Pode avaliar o estrago que elas causam.

O que vale é a PREVENÇÃO... Então... Ame-se para amar e ser verdadeiramente amado. Sorria para que o mundo seja mais gentil!!! Dedique-se para que as falhas sejam pequenas...

Não se compare, você é único!

Repare nas pequenas coisas, mas cuidado com as grandes que as vezes estão bem diante do nosso nariz e não a enxergamos... Sonhe, pois o sonho é o combustível da realização. Tenha amigos e seja o melhor amigo de todos.

Sinta o seu cheiro e acredite em seu poder de sedução... Estimule-se, contagie o mundo com o seu melhor... Creia em DEUS!!! Pois sem ELE não há razão em nada!!! E tenha sempre a absoluta certeza de que, depois da forte
tempestade.
Autor:Desconhecido

sexta-feira, 19 de agosto de 2011

Amorosamente 
 
 

Que Deus não permita que eu perca o ROMANTISMO,
mesmo eu sabendo que as rosas não falam.
Que eu não perca o OTIMISMO, mesmo sabendo que o futuro que nos espera não é assim tão alegre.
Que eu não perca a vontade de VIVER, mesmo sabendo que a vida é, em muitos momentos, dolorosa...
Que eu não perca a vontade de ter grandes AMIGOS, mesmo sabendo que, com as voltas do mundo, eles acabam indo embora de nossas vidas...
Que eu não perca a vontade de AJUDAR as pessoas, mesmo sabendo que muitas delas são incapazes de ver, reconhecer e retribuir esta ajuda.
Que eu não perca o EQUILÍBRIO, mesmo sabendo que inúmeras forças querem que eu caia.
Que eu não perca a VONTADE de amar, mesmo sabendo que a pessoa que eu mais amo, pode não sentir o mesmo sentimento por mim...
Que eu não perca a LUZ e o BRILHO no olhar, mesmo sabendo que muitas coisas que verei no mundo,
escurecerão meus olhos...
Que eu não perca a GARRA, mesmo sabendo que a derrota e a perda são dois adversários extremamente perigosos.
Que eu não perca a RAZÃO, mesmo sabendo que as tentações da vida são inúmeras e deliciosas.
Que eu não perca o sentimento de JUSTIÇA, mesmo sabendo que o prejudicado possa ser eu.
Que eu não perca o meu forte ABRAÇO, mesmo sabendo que um dia meus braços estarão fracos...
Que eu não perca a BELEZA e a ALEGRIA de ver, mesmo sabendo que muitas lágrimas brotarão dos meus olhos e escorrerão por minha alma...
Que eu não perca o AMOR por minha família, mesmo sabendo que ela muitas vezes me exigiria esforços
incríveis para manter a sua harmonia.
Que eu não perca a vontade de doar este enorme AMOR que existe em meu coração, mesmo sabendo que muitas vezes ele será submetido e até rejeitado.
Que eu não perca a vontade de ser GRANDE, mesmo sabendo que o mundo é pequeno... E acima de tudo...
Que eu jamais me esqueça que Deus me ama infinitamente, que um pequeno grão de alegria e esperança dentro de cada um é capaz de mudar e transformar qualquer coisa, pois....
a vida é construída nos sonhos e concretizada no amor!
Francisco Cândido Xavier

quarta-feira, 17 de agosto de 2011

A Felicidade anda por ai Ser feliz é...

 
Dizem que a vida é curta, mas não é verdade. A vida é longa para quem consegue viver pequena felicidade. E essa tal felicidade anda por ai, disfarçada, como uma criança tranqüila brincando de esconde-esconde.

Infelizmente às vezes não percebemos isso e passamos nossa existência colecionando nãos: A viagem que não fizemos, o presente que não demos, a festa que não fomos, o amor que não vivemos, o perfume que não sentimos.

A vida é mais emocionante quando se é ator e não espectador; quando se é piloto e não passageiro pássaro e não paisagem, cavaleiro e não montaria.

E como ela é feita de instantes, não pode nem deve ser medida em anos ou meses, mas em minutos e segundos. Esta mensagem é um tributo ao tempo. Tanto aquele tempo que você soube aproveitar no passado quanto aquele tempo que você não vai desperdiçar no futuro. Porque a vida é agora...

Não tenha medo do futuro, apenas lute e se esforce ao máximo para que ele seja do jeito que você sempre desejou.

A morte não é a maior perda da vida. A maior perda da vida é o que morre dentro de nós enquanto vivemos.
Rivalcir 
Violão 

 
Não, Marquito não sentia inveja dos meninos que tinham violões de verdade porque ele vivia sonhando que tinha um também. Ele fazia vibrar suas cordas invisíveis, com o rosto iluminado e os olhinhos brilhando de emoção. Havia quem achasse que Marquito era meio lelé-da-cuca.

Claro, era gente que não tinha imaginação suficiente para saber que "aquele" violão só podia ser visto (e ouvido) por outros sonhadores, como Marquito. Essas pessoas ignoravam também que ele não se conformava com a realidade que havia, vivendo a sonhar com a realidade que devia haver. Tendo seu violão imaginário como bandeira, Marquito via um mundo novo.

Um mundo em que as coisas são das pessoas que as entendem. E não só das pessoas que podem comprá-las. Ah, quanta gente tem um violão na sala de visitas servindo de enfeite, sem tocá-lo nunca! E lá ia Marquito dedilhando seu violão de sonho, tirando as músicas lindas que seu coração compunha.
Depois, limpava-o cuidadosamente com uma flanela bem macia feita de nuvens. Ele o guardava com carinho numa capa cor de céu todo estrelado. Daí, ele pegava seu violão mais que exclusivo e o escondia debaixo da escada secreta que usava para subir ao seu paraíso particular.

As pessoas que não entendiam Marquito, tadinha delas, até pensavam em levá-lo a um psicólogo para saber se ele tinha alguma coisa. Como resposta, ouviam: "Não, ele não tem uma coisa, mas sonha com ela, e assim, faz de conta que a tem". Um dia, os que só sonhavam quando dormiam resolveram dar um violão de verdade para o menino que sonhava acordado. Ao recebê-lo, Marquito abraçou-se ao violão, comovido, e disse: "Obrigado. Agora tenho dois".


Carlito Maia

quinta-feira, 11 de agosto de 2011

A Formiga e o gafanhoto  

 
Era uma vez, uma formiga que trabalhava duro, no sol escaldante de verão, construindo sua toca e acumulando suprimentos para o longo inverno que se aproximava. O gafanhoto pensou: - Que idiota!... E passou o verão dando gargalhadas, cantando e dançando como nunca.
Ao chegar o inverno, o gafanhoto, tremendo de frio, armou uma barraca de lona na entrada da toca da formiga e convocou toda a imprensa para uma entrevista e exigiu explicações!
- Por que é permitido à formiga, uma toca aquecida e boa alimentação, enquanto os gafanhotos estão expostos ao frio e morrendo de fome? Todos da imprensa compareceram à entrevista: (SBT, BAND, ZERO HORA, JORNAL DO BRASIL, ESTADÃO, REDE GLOBO, CBN e outros). Tiraram muitas fotos do gafanhoto trêmulo de frio e com sinais de desnutrição! As imagens dramáticas na televisão, mostraram um gafanhoto em deplorável condição, sentado num banquinho, debaixo de uma barraca plástico preto...
E, mais adiante, mostraram a formiga, em sua toca confortável, com uma mesa farta e variada! O programa do Datena apresentou um quadro de 15 minutos, mostrando o gafanhoto cambaleante ! O povo brasileiro fica perplexo e chocado com o contraste! A BBC de Londres, manda ao Brasil, uma equipe para fazer uma reportagem especial a ser distribuída em rede para toda a Europa ! A CBS, nos EUA, interrompe uma entrevista coletiva sobre as ações no Iraque, antes da entrega do Oscar, para mostrar como anda a cidadania dos gafanhotos brasileiros... A notícia recebe apoio imediato de José Dirceu, com a ressalva de que os recursos devem ser dirigidos ao programa Fome Zero do governo Lula...
E, cogita uma Emenda Constitucional, que aumente os impostos para as formigas e, ainda obriga as comunidades a promoverem a integração social dos gafanhotos. A formiga, multada por supostamente não entregar sua quota de folhas verdes ao Ministério das Folhas e não tendo como pagar todos os impostos e contribuições que foram apurados retroativamente, pede falência!!! A Câmara Federal instala uma comissão de inquérito para investigar a falência fraudulenta de inúmeras formigas abastadas.
O Ministério das Folhas nomeia uma comissão de auditores fiscais, suspeitando que as formigas tenham desviado recursos do FF5(folhas frescas nº 5 do Banco Central) e suspeitas de lavar folhas. O gafanhoto decide invadir a toca da formiga e lá acampa! A formiga, pede ajuda da polícia e esta informa que não dispõe de efetivo para atender ocorrências desta natureza, e, que também por orientação do Secretário de Segurança que deseja evitar confronto com os SEM TOCAS, não pode atuar.
A formiga entra na justiça para obter a reintegração da toca, mas, o pedido é negado! O juiz invocou um novo ramo do direito, "O ECONÔMICO“, e sentencia que a formiga não provou a produtividade da Toca! O Ministério da Reforma Agrária desapropria a Toca da Formiga, por não cumprir sua função social e a entrega ao friorento e desnutrido gafanhoto... O Ministério da Justiça examinando folhas do Jornal Última Hora, descobriu que o gafanhoto foi preso no passado, por promover algumas greves, assaltos e seqüestros (crimes políticos), e conseguiu sua inclusão no grupo dos perseguidos políticos com direito à indenização federal e pensão vitalícia ! Agora, começa novamente o verão, as formigas trabalham e os gafanhotos cantam e dançam...
MORAL DE ESTÓRIA : Diga Você mesmo !!!

Para tudo há um tempo


Para tudo há um tempo em nossa vida... E a grande sabedoria é viver cada tempo com sua realidade, aceitando o que não pode ser mudado...    Há um tempo de se sonhar, de acreditar no sonho e lutar por ele... Há um tempo de se desencantar porque o sonho não se realizou apesar da fé, apesar da esperança.
No tempo de desencantar é impossível não sofrer... Porque o sofrer assim como os sonhos são partes iguais na soma dos fatos que fazem nossa vida... E no tempo de sofrer vale assumir a dor, senti-la bem fundo sem medo de morrer por ela. Vale assim a dor porque ao contrário seria fugir à realidade... E fugir à realidade não ajuda vencer o tempo que nos faz sofrer...
Dentro da realidade do sofrer, a gente mergulha bem fundo sem contudo perder o contato com a esperança de poder sonhar de novo... O tempo de sofrer não pode sufocar em nosso coração aquela velha certeza de que Deus, sabendo das mágoas, inventou o tempo..... O tempo que transforma e muda realidades, e faz da lágrima de hoje o riso de amanhã.
Por isto no tempo de sofrer, é preciso sabedoria de aceitar os fatos com a serenidade de quem já viveu outros tempos de dor, de mágoas e continuou vivendo com determinação e coragem. O tempo de sofrer é apenas um espaço onde se aprende a crescer, a vencer as próprias limitações e as próprias contingências.
Tempo de sofrer é apenas um espaço onde se conhece as próprias forças de criar novos sonhos, semear novas esperanças e cultivar a fé. Porque a vida é feita de muitos tempos que se sucedem em nossos dias... Basta apenas serenidade de saber vivê-los e esperar... Serenamente sem desespero inútil.
Mariangela Calil Conde

quarta-feira, 3 de agosto de 2011

ORAÇÃO DA PRESENÇA 


Que jamais, em tempo algum,
o teu coração acalente o ódio.
Que o canto da maturidade
jamais asfixie a tua criança interior.
Que o teu sorriso seja sempre verdadeiro.
Que as perdas do teu caminho sejam sempre
encaradas como lições de vida.
Que a música seja tua companheira
de momentos secretos contigo mesmo.
Que os teus momentos de amor contenham a
magia de tua alma eterna em cada beijo.
Que os teus olhos sejam dois sóis olhando
a luz da vida em cada amanhecer.
Que cada dia seja um novo recomeço,
onde tua alma dance na luz.
Que em cada passo teu fiquem marcas luminosas
de tua passagem em cada coração.
Que em cada amigo o teu coração faça festa
e celebre o encanto da amizade
profunda que liga as almas boas.
Que em teus momentos de solidão e cansaço
esteja sempre presente em teu coração a
lembrança de que tudo passa e se transforma,
quando a alma é grande e generosa.
Que o teu coração voe contente nas asas da
espiritualidade consciente,
para que você perceba a ternura invisível
tocando o centro do teu ser eterno.
Que um suave acalanto te acompanhe,
na Terra ou no Espaço e por onde quer
que o seu espírito lindo leve o teu viver.
Que o teu coração sinta a presença
secreta de tudo aquilo que é
impossível exprimir por palavras.
Que os teus pensamentos, os teus amores,
o teu viver e a tua passagem pela vida
sejam sempre abençoados por aquele amor
que ama sem nome, aquele amor que não se
explica, só se sente.
Que esse amor seja o teu acalanto secreto,
viajando eternamente no centro do teu ser.
Que esse amor transforme os teus
dramas em luz, as tuas tristezas em
celebração e os teus passos cansados
em alegres passos de dança renovadora.
Que jamais, em tempo algum,
você esqueça da presença que está
em você e em todos os Seres.
Wagner Borges

terça-feira, 2 de agosto de 2011

 

Elementos Femininos:



Estava um mestre rodeado por seus pequenos alunos quando um deles perguntou: "Mestr pq a beleza é representada por imagem de mulher " Pôs-se a dizer o Mestre :

" Observe a natureza e veja que o belo nela se manifesta através de elementos femininos: Como seria o céu sem As nuvens , A lua e As estrelas; Como se mostraria o sol sem A luz O mar nos encantaria sem As águas e As ondas.

Os desertos,como seriam sem As areias e As pedras Os bosques teriam perfume sem As árvores e As flores O dia prometeria repouso se não houvesse A noite força teria o fogo se não tivesse As chamas Que frescor teria o solo sem

A relva Que alívio teríamos no verão se não caísse A chuva Qual a beleza do inverno que não apresenta A neve Haveria romance no outono sem As folhas sopradas pelo vento A primavera e suas flores não é
A mais linda canção:Nossos corpos se moveriam se neles não corresse A vida " O menino refletiu algum tempo e em seguida argumentou : " Sim, são todos elementos femininos, mas o senhor não falou sobre a mulher ... "

Respondeu-lhe o Mestre :

"Mas vou falar-lhe sobre o coração:
Nele estão A alma, A paixão e A alegria .
Nele está A beleza da cantiga que acalanta o homem ...
... e sua melodia é sempre uma Mulher ... "

Linda tarde!!!
Bjokas!!!!!

Autora: Silvia Schimidt
O viajante do tempo



O que é a vida?
Uma sucessão de dias feitos de sucessões de atitudes que tomamos. Resultado de uma aritmética que soma os nossos atos com o impacto que causamos a nossa volta, divide as responsabilidades que assumimos e multiplica pelo bem ou mal que fizemos, subtraindo aquilo que deixamos de fazer.

Nada é imposto, nada é adicionado sem a nossa permissão, que as vezes é dada pela omissão das nossas respostas. Apanhamos uma vez e nos calamos, apanhamos de novo e nos calamos, na terceira vez já virou hábito e o nosso silêncio ou revolta é apenas a confirmação da nossa tolerância com o quem nos espanca.

A vida é ainda comparável a um carro, onde podemos assumir o volante e dirigir ou entregar a direção na mão de outras pessoas, e aceitar o caminho que elas resolverem seguir, mesmo que seja o oposto do que desejamos. Aceitamos calados deprimidos, pois a nossa vontade nem sempre é levada em conta. É por isso que muitos reclamam demais da vida, falta coragem para assumir a direção.

A vida pede que cada um aceite a sua cota de responsabilidade e mesmo sem saber dirigir muito bem, que cada um pegue o seu volante e vá descobrir novos caminhos, cair em buracos, armadilhas na estrada e acabar descobrindo ao lado da pista de terra, há uma linda avenida pavimentada com capricho, onde você pode seguir seguro, com tranqüilidade e até muito conforto.

A vida só pede uma decisão diária: você vai sentar e assumir o controle do seu carro", ou vai continuar pedindo que os outros dirijam para você?Não tenha medo de dirigir, ainda que você não saiba o caminho, existe e sempre existirá um Guia seguro que pode levar você de qualquer lugar para o destino desejado.

No nosso caso, a vida é o carro, o motorista é você, o caminho é o dia, o destino a Luz, e o guia, é claro, só pode ser Jesus.

Boa viagem!
Autor:Rivalcir